BIANCA

Bianca

 

“Doze anos em flor! A linda menina ainda não pensa no amor.”

Ela O reconheceu na novela das seis. ELE não era o galã, mas o amigo do mocinho. ELE também amava a mocinha, mas por fidelidade e dedicação ao amigo, abriu mão do grande amor.

“Quero que seja feliz, mesmo que não seja comigo”

 

*****

 

“… e quando os anjos da minha vida se reunirem para celebrarem meus 15 anos…”

Depois do seu baile, foi passear com o seu par. No Paulo Rodolfo ela viu o seu amor, que logo desapareceu depois que se entregou no Mirante. Entre sonhos de dois filhos e uma casa branca no pé da serra, Paulo Rodolfo afirmou que preferia a biscatina da Paloma.

“O amor é como o vento, não posso ver, mas posso sentir!”

 

*****

 

“Dezoito anos! Já pode casar, estou na fila…”

Na primeira vez que foi votar, apesar de já ter escolhido todos os seus candidatos. Bianca O viu na cédula. Sorriu e ela O marcou como há muito a marcará.

“Você me salvou de todas as maneiras que alguém poderia ter sido salvo.”

 

*****

 

“Ninguém é sério aos vinte anos!!”

O professor de Pedagogia Aplicada por muito tempo foi ELE. Recebeu todos os bilhetinhos perfumados e as longas cartinhas escritas em letra cursiva bem redondinha. Desapareceu depois que a mulher do professor os flagrou na cantina da química. Bianca não aceitou a proposta de passar um final de semana em Paquetá com o casal.

“Se você ama alguém… você tem que dizer na hora, em voz alta. Senão, o momento apenas passa por você…”

 

*****

 

“Isabel da Hungria ficou viúva aos vinte e morreu com vinte e quatro anos”

Na quinta entrevista para um emprego, Bianca recomeçou a sorrir quando O viu em um anuncio de macarrão. Pediu dinheiro emprestado para a mãe, que concordou contanto que pagasse em 30 dias com juros de dez por cento a quinzena. Comprou diversos pacote da marca anunciada, cozinhou e teve uma grave intoxicação com o molho romã.

“Entenda que, quem te ama de verdade, ama até os seus defeitos.”

 

*****

 

“Hendrix, Morrison e Joplin morreram aos vinte e sete …”

ELE fazia a mesma academia que Bianca. Além de diversas outras coincidências: estavam com a mesma altura, “quase” o mesmo peso, cor do cabelo praticamente igual e usavam o mesmo tamanho de sutiã, 52. Durante o supino declinado conversavam sobre a vida. ELE logo ficou “amiga de infância” de Bianca. Apresentou a mãe, o pai e saíram os três: Bianca, ELE e o namorado DELE, João Felipe. Bianca passou quatro meses com a mandíbula engessada, tudo porque tentou beijá-lO no vestiário. Disse que não era sapatão e que Bianca estava confundindo a amizade. Bianca não ouviu e O abraçou. Recebeu um upper no queixo.

“A vida não é quantas vezes você respira, mas sim quantas vezes te tiraram o fôlego.”

 

*****

 

“O mestre disse: Quem chega aos trinta anos sem ser estimado, não o será nunca mais.”

O afilhado de cinco anos era ELE. Mesmo jeito de andar, de falar e de pedir para que fizesse o pavê de amendoim. Na volta do circo, foram tomar banho juntos, e a comadre ficou escandalizada quando viu a Bianca lambendo o afilhado que estava coberto de leite condensado.

“Se você procurar bem, tenho a estranha sensação de que você vai descobrir que o amor está em toda parte”

 

*****

 

“… e na idade da crucificação”

A primeira fuga foi fácil. ELE veio visitar uma prima que estava detida por tráfico. Bianca aproximou e logo ELE começou a vê-la nas visitas intimas. O carcereiro foi muito mais simples: uma considerável quantia em dinheiro, calcinha no chão e uma grave ameaça a integridade da família,Bianca teve a porta aberta. Saiu e foi morar com ELE. Pouco tempo depois, Bianca recebeu e incumbência de fazer uma viagem para a Europa levando no estômago 459 gramas de cocaína. Foi presa no aeroporto denúncia anônima. Vaca de piranha.

“Amor é fogo que arde sem se ver”

 

*****

 

“Nas últimas duas décadas a igreja evangélica brasileira ampliou consideravelmente suas fronteiras”

A terceira fuga foi definitiva. Sem sonhar com ELE há mais de dois dias, sentiu-se só, triste e no primeiro templo entrou. Prostrou diante do Pastor Albertino Limonta e pediu uma graça. O pastor, que não tinha ninguém para cuidar de seu único terno, a levou para casa. Casou, mudou de nome para Mariajulia e teve três filhos, dois rapazes e uma menina. Depois de quase vinte anos Bianca/Mariajulia começou a se sentir um móvel, um púlpito, por isto começou a sair escondida do pastor com a filha de catorze anos, Sabrina. Em vez de irem pregar em outras freguesias, saiam para as compras. Em vez de cuidar dos desvalidos, iam ao cinema. Bianca/Mariajulia mostrou ELE para a filha, que fingiu que nem O viu. Uma tarde, depois de saber que o pastor estava colocando outra fiel em casa, Bianca bêbada de hifai, contou as suas desventuras para a Sabrina. A querida filha a colocou na cama e foi denunciá-la na delegacia mais próxima. Só não foi presa, pois graças à ELE, que em sonho, avisou. Fugiu pela porta dos fundos.

“O amor não é um jogo de azar”

 

*****

 

“Fazer sessenta anos pode ser horrível ou agradável. Depende de como cada um viveu”.

Bianca nos momentos de folga passeava pelo bairro. Saudando a tudo e a todos. Foi quando o encontrou em um café. Velho, alquebrado e com a dentadura frouxa. Bianca fascinada o beijou. O velho gritou. Ela o abraçou. Ele clamou por ajuda. Ela se afastou. Dias depois bateu na porta da casa dele e pediu um trabalho. A neta, atarefada com o mestrado e um novo namorado, ofereceu um salário mínimo mais casa e comida. Bianca aceitou.

“Lutar pelo amor é bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor”

 

*****

 

“Aos 63 anos, a mulher está longe de ser fria e insensível; mas ela sabe,quando necessário,cobrir o fogo com as cinzas”

Ele morreu de velhice em uma segunda sem sol. Ela se matou na terça depois do enterro.

“Tão bom morrer de amor e continuar vivendo”

Anúncios

Um comentário sobre “BIANCA

Por gentileza: comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s